This page has been translated from English

As habilidades de Anjos Caídos como descrito na Bíblia

Capítulo 5 - Habilidades de Anjos Caídos como descrito na Bíblia

Do que nós cobrimos até agora, podemos saber a Bíblia ensina que os cristãos de hoje estão em uma batalha contra os demônios, a segunda onda de anjos caídos, e seu líder, o anjo caído Satã.

Para entender melhor o que esses anjos caídos podem fazer, vamos dar uma olhada as habilidades demonstradas pelos anjos na Bíblia.

Não faria sentido que as habilidades de anjos caídos seria o mesmo que as habilidades de Santo anjos, como Deus originalmente fez todos eles para ser Santo anjos, que foram capazes de realizar certas tarefas para Deus. Essas tarefas incluem dando mensagens, através de sonhos e visões, ou entregar uma mensagem quando se apresentou como um homem. Embora eles geralmente permanecem invisíveis, os anjos protegem as pessoas do mal (Sl 91:11-12). Eles funcionam como o exército de Deus (Ap 19:19): eles destruíram Sodoma (Gn 19), derrubou o muro de Jericó (Js 5-6), e as pessoas smite (1 Ch 21). Deus criou os anjos para ser capaz de fazer coisas como essas.

Os anjos podem fazer milagrosa coisas sobrenaturais, e os anjos caídos, infelizmente, ainda pode fazer muitas dessas coisas mesmo, como eles foram criados com essas habilidades. Mas usá-los para o mal e do engano. Como tal, vamos estar a olhar para exemplos encontrados na Bíblia Sagrada, tanto anjos e anjos caídos, para estabelecer o que a Bíblia diz que são as habilidades dos anjos em geral.
Neste podemos ter uma melhor idéia do que pode fazer anjos caídos em geral. E também uma base para uma melhor compreensão do que atividades anjos caídos estão envolvidos hoje.


Visões causadas pelos Anjos

Anjos pode causar o que a Bíblia se refere como "Visions".

Dan 10: 1-12
No terceiro ano de Ciro, rei da Pérsia, foi revelada uma palavra a Daniel, cujo nome era Beltessazar; ea coisa era verdade, mas o tempo determinado foi longa, e ele entendeu esta palavra, e tinha entendimento da visão. Naqueles dias eu, Daniel, estava pranteando por três semanas. Eu não comia pão agradável, nem carne nem vinho entraram na minha boca, nem me ungi com ungüento, até três semanas inteiras foram cumpridas. E no dia vinte e quatro do primeiro mês, como eu estava ao lado do grande rio, o Tigre; Então eu levantei os meus olhos, e olhei, e eis um homem vestido de linho, cujos ombros estavam cingidos com ouro fino de Ufaz: Seu corpo era como o berilo, eo seu rosto como o aparecimento de um relâmpago, e os seus olhos como tochas de fogo, e seus braços e os pés como o brilho de bronze polido, ea voz das suas palavras . como a voz de uma multidão E eu, Daniel, só viu a visão: para os homens que estavam comigo não a viram, mas um grande tremor caiu sobre eles, para que eles fugiram para se esconder Por isso eu fui deixado sozinho, e. vi esta grande visão, e não ficou força em mim: para a minha beleza se transformou em mim em corrupção, e não retive força alguma.
No entanto, ouvi a voz das suas palavras: e quando eu ouvi a voz das suas palavras, então eu estava em um sono profundo no meu rosto, e meu rosto para o chão. E eis que uma mão me tocou, que me pôs sobre meus joelhos e sobre as palmas das minhas mãos. E disse-me, ó Daniel, homem muito amado, entende as palavras que eu falar a ti, e estamos de pé, pois a ti sou enviado. E quando ele falou esta palavra a mim, eu estava tremendo. E disse-me: Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender ea humilhar-te perante o teu Deus, as tuas palavras foram ouvidas, e eu vim por tuas palavras.

O que podemos observar nesta passagem? Daniel chama o que ele experimentou uma "grande visão" (Daniel 10:8) que foi causado por um anjo. Apesar de ter esta visão:

  1. Era real aos sentidos corporais: Daniel estava em seu corpo, ele viu com os olhos, ouviu com seus ouvidos, ele sentiu uma mão de um anjo tocar seu corpo, sentiu estar em suas mãos e joelhos e depois em pé, e ele sentiu tremores corporais

  2. A visão Daniel viu foi sobreposto em cima da realidade todo mundo podia ver, mas os outros não podiam ver a visão. (Dan10: 7)

  3. O que Daniel viu era incomum, e até mesmo impossível de aparência, como um cara com a "aparência de um raio". Também a voz do ser singular que ele estava vendo soou como uma multidão de vozes.

  4. Daniel estava acordado e não sonhando, nem em transe.

O corpo de Daniel ainda estava cercado por uma realidade objetiva, o rio, a paisagem, e os homens fogem de algo que não podiam ver, mas sentiu emocionalmente. Os homens podiam ver o rio ea paisagem. No entanto, a mente de Daniel também foi ver uma visão de um anjo colocado sobre esta realidade objetiva, e esta visão que ele interagiu com senti completamente real para seus sentidos corporais. Ele viu, ele ouviu, e sentiu-lo, mas ninguém ao seu redor poderá até mesmo vê-lo, ainda que sentiu medo.

A Bíblia confirma que Visions causada por anjos são experimentados com os sentidos, visto com os olhos, ouvir com os ouvidos, sentiu tactilely no corpo, afirmando que claramente em Ezequiel 40 e 44.

Nas visões de Deus me levou para a terra de Israel, e me pôs sobre um monte muito alto, pelo qual [foi] como o quadro de uma cidade no sul. Eze 40:2-4 E ele me levou para lá, e eis que [houve] um homem, cuja aparência [foi] uma aparência de bronze, com um cordel de linho na sua mão, e uma cana de medir;. E ele estava parado no portão [ angel] E o homem disse-me: Filho do homem, vê com os teus olhos, e ouve com os teus ouvidos, e põe no teu coração tudo o que eu te mostrar, porque a intenção que eu possa mostrar [eles] te [ arte] tu aqui trazido: declare tudo o que vês à casa de Israel Eze 40:2-4.

E ele me fez o caminho da porta do norte diante da casa, e eu olhei, e eis que a glória do Senhor encheu a casa do Senhor, e eu caí sobre minha face. E o Senhor me disse: Filho do homem, nota bem, vê com os teus olhos, e ouve com os teus ouvidos, tudo que eu te disser a respeito de todas as ordenanças da casa do SENHOR, e todas as suas leis, bem como marcar bem à entrada da casa, com todas as saídas do santuário. Eze 44:3-4

Antes de prosseguir, eu acho que é importante ser capaz de conceituar o que é uma visão.
O que seria uma experiência como essa ser chamado no mundo de hoje? Se um homem hoje afirmou ter visto um anjo, que ele viu com seus olhos, ouvir com seus ouvidos, tocado, e que ninguém mais poderia ver com ele ... Hoje, há muitos que diriam que ele deve ter tido uma "alucinação" . Não só isso, mas também uma "alucinação, visual, áudio e tátil". E há muitas pessoas hoje que diriam tal homem deve ver um psicólogo ou psiquiatra para obter ajuda. Isso só seria mais provável se o homem começou afirmando que ele era um profeta, e escrever suas experiências, porque ele pensou que essas "alucinações" eram importantes o suficiente para que Deus queria que eles gravado para ser compartilhadas com a posteridade. Então ele pode realmente ser rotulados como "louco" e trancadas. Mas isso tudo seria o único caso, porque a maior parte do mundo de hoje rejeita que Deus existe, que os anjos existem, e rejeita que os anjos têm habilidades sobrenaturais e pode interagir com a humanidade.

A alucinação é definida como:
"Uma experiência sensorial de algo que não existe fora da mente, causada por várias doenças físicas e mentais, ou por reação a determinadas substâncias tóxicas, e geralmente se manifesta como visual ou imagens auditivas".
-Dictionary.com

"Uma percepção sensorial que não resulta de um estímulo externo e que ocorre no estado de vigília. Pode ocorrer em qualquer dos sentidos e é classificada de acordo como auditivas, gustativas, olfativas, táteis ou visuais. É um sintoma de comportamento psicótico, freqüentemente observado durante a esquizofrenia, bem como de outros transtornos mentais ou orgânicas e condições. "
-Mosby 's Medical Dictionary

Herdar na definição de uma "alucinação" é a conclusão precipitada de que "não é resultado de estímulo externo" (como um anjo), que "não existe fora da mente" objetivamente (como anjos ou o lado espiritual para a própria realidade ), e é "causada por várias doenças físicas e mentais" e é um "sintoma de comportamento psicótico".

A diferença entre uma visão e uma alucinação é que uma visão é resultado de estímulo externo, ou seja, os anjos, que são um estímulo externo que existem fora da mente, e uma visão não é causada por um distúrbio físico ou mental, nem é é um sintoma de comportamento psicótico.

Mas, como uma alucinação, uma visão é uma experiência sensorial, como Daniel é descrito ter tido.
É claro, a diferenciação entre uma "alucinação" e uma "Visão" é inteiramente uma questão de se pode-se provar para saber se a experiência sensorial foi causado por um anjo ou não causado por um. É difícil provar que uma "alucinação" não foi causado por estímulo externo quando esse estímulo externo pode ser um anjo, que fica invisível e não declarar a sua presença.
De fato, um poderia facilmente assumir que todas as "alucinações" são na verdade causados ​​pelos anjos (santo ou caído) e são, portanto, Visions, como se poderia supor que todas as visões não são causados ​​por qualquer estímulo externo (mas sim de alguns física ou transtorno mental) e são, portanto, "alucinações". Quanto ao que é que, o fator decisivo é tudo uma questão de crenças espirituais pessoais, preconceitos, e muito subjetiva interpretação pessoal da experiência.

Mas para os cristãos, a Bíblia está cheia de exemplos de visões causadas pelos anjos. E Visões na Bíblia tem um pouco de variedade para eles, por exemplo, algumas acontecem quando acordado, e algumas acontecer em um estado de transe. Um exemplo de uma visão teve durante um transe está em Atos 10:9-17.

No dia seguinte, indo eles seu caminho e estando já perto da cidade, Pedro subiu ao terraço para orar sobre a hora sexta: E ele se tornou muito faminto, e teria comido: mas enquanto eles se preparavam, caiu em transe,
E viu o céu aberto e um objeto descendo em cima dele, como ele tinha sido um grande lençol atado pelas quatro pontas, e vindo para a terra: Onde estavam todos os tipos de quadrúpedes da terra, e feras, e répteis . coisas, e aves do céu E veio a ele uma voz, Levanta-te, Pedro, mata e come. Mas Pedro disse: Não é assim, Senhor, porque nunca comi coisa alguma comum e imunda. E falou a voz lhe segunda vez, que Deus purificou, não chames tu comum. Isso foi feito três vezes:. Eo navio foi recebido novamente ao céu Enquanto Pedro duvidou em si mesmo o que esta visão que ele tinha visto deve significar, eis que os homens que foram enviados por Cornélio tinha perguntado pela casa de Simão, apresentou-se diante o portão.

Observações sobre esta passagem:

  1. Peter tinha essa "visão" em um "transe", enquanto acordado, e não dormindo. O "trance" não é descrito como "sonho". Parece provável que aqueles que se preparam para o almoço que estavam com Pedro viu Peter nesse estado de transe. No entanto, este estado de transe não é descrito como "sonho". Peter estava acordado, e não dormindo, embora em um estado de transe.
  2. Peter observou estar em seu corpo - isso está implícito por ele ser capaz de, opcionalmente, "subir, matar e comer". Peter também está vendo com os olhos, e ouvir com seus ouvidos.
  3. Peter, como Daniel, vê coisas incomuns ou impossíveis de aparência.

Durante esse transe Peter experimenta o que a Bíblia chama de uma "visão" ("horama" Strong 3705). Anteriormente, em Atos 10:3, Cornelius também recebe um "horama" visão, especificado para ser causado por um anjo. Mais tarde, em Atos 12, Pedro não tem certeza se ele está ou não ter uma outra visão, quando um anjo está presente: "Pedro o seguiu de (um anjo) para fora da prisão, mas ele não tinha idéia de que o que o anjo estava fazendo era realmente acontecendo, ele pensou que era uma visão "Atos 10:09 NVI

Estas visões (que comunicar uma mensagem) são biblicamente associada como sendo causado por anjos, como os anjos Santo são mensageiros de Deus, o aggelos palavra grega que significa "mensageiro". Anjos muitas vezes dão mensagens de Deus, fazendo com que os sonhos ou visões.

A palavra acima em Atos 10 para 'trance' é "ekstasis" (1611 no Strong). A segunda definição é "jogar uma da mente de seu estado normal, alienação mental, como se faz um lunático ou de um homem que por alguma emoção súbita é transportado como se fosse fora de si, de modo que neste rapt condição, embora ele esteja acordado, sua mente é retirada de todos os objectos que nos rodeiam e totalmente fixos em coisas divinas que ele não vê nada, mas as formas e imagens que se encontre dentro, e pensa que ele percebe com os olhos do seu corpo e realidades ouvidos mostrado a ele por Deus . "

Assim, mesmo a Concordância de Strong define esta trance como uma experiência na mente, que é percebida com "olhos e ouvidos do corpo", ou em outras palavras, é real para os sentidos corporais. Em caso de Pedro, ele descreve que ele percebeu ouvir com seus ouvidos, vendo com os olhos, e falar com a boca. Isso indica que ele via a si mesmo como estando em seu corpo, experimentando algo que parecia real para todos os sentidos corporais. No entanto, é implícito que aqueles em torno de Peter perceberam como estar em um estado de transe. Pedro não poderia ter sabido que ele estava em um transe, mas pode ter apenas pensei que ele tinha sido acordado, se não houvesse outras pessoas ao redor que o viu em transe.

Outro exemplo de uma visão, que também foi provavelmente facilitada por um santo anjo mensageiro (Se Rev 1, 01:01) aconteceu com Paulo e os homens com ele em Atos 9 (relacionado novamente em Atos 22).

Atos 9:3-8
E como ele viajou, ele chegou perto de Damasco, subitamente o cercou uma luz do céu: E ele caiu por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues? E ele disse: Quem és, Senhor? E o Senhor disse: Eu sou Jesus a quem tu persegues: é difícil para ti recalcitrar contra os aguilhões. E ele, tremendo e atônito, disse: Senhor, que queres que eu faça? E o Senhor disse-lhe: Levanta-te, e entra na cidade, e lá te será dito o que deves fazer. E os homens que iam com ele pararam espantados, ouvindo a voz, mas não vendo ninguém. E Saul se levantou da terra, e quando seus olhos se abriram, não viu nenhum homem: mas o levou pela mão, conduziram-no a Damasco.

Atos 22:6-11
E sucedeu que, que, como eu fiz a minha viagem, e chegou perto de Damasco ao meio-dia, de repente lá do céu brilhou uma grande rodada de luz sobre mim. E eu caí por terra, ouviu uma voz que me dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues? E eu respondi: Quem és, Senhor? E ele me disse: Eu sou Jesus de Nazaré, a quem tu persegues. E os que estavam comigo viram a luz, e ficaram com medo, mas eles não entenderam a voz daquele que falava comigo. E eu disse: Que hei de fazer, Senhor? E o Senhor me disse: Levanta-te e vai a Damasco, e lá te será dito de todas as coisas que são nomeados para te fazer. E quando eu não podia ver por causa do esplendor daquela luz, guiado pela mão dos que estavam comigo, cheguei a Damasco.

Observações sobre estas passagens:

  1. Paulo e os homens viram a luz, embora ninguém viu a quem a voz que falava pertencia.
  2. Paul viu a glória da luz, e foi tão intenso que ele ficou cego por ela, mas os homens com ele nem sequer vê-lo da mesma maneira intensa que ele fez.
  3. Paul ouviu e entendeu a voz que estava falando
  4. Os homens ouviram a voz que estava falando, mas não entendo

Neste caso, a visão era de vigília. O mais interessante é que a visão foi experimentado de uma forma por Paulo, e em outro, de maneira mais limitada, pelos homens com ele. Isto implica que é possível para um grupo de pessoas a experimentar a mesma visão. No entanto, este caso mostra também que uma pessoa pode ver A, mas outra pessoa pode ver B, mesmo quando ambos estão tendo uma visão compartilhada.
Assim, parece um anjo poderia causar várias pessoas a ter uma visão ao mesmo tempo, mas cada pessoa pode ver algo diferente, ainda experimentando-o com os seus sentidos corporais, mas de maneira diferente para cada pessoa.

Causada por sonhos Anjos

Além Visions, a Bíblia ensina que os anjos também podem causar sonhos, como ver um anjo, em sonho, como é o caso de José, o marido de Maria, pai adotivo de Jesus Cristo:

Matt 1:20 Mas, enquanto ele pensava sobre estas coisas, eis que o anjo do Senhor apareceu-lhe em sonho, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber contigo Maria, tua mulher, pois o que é concebido nela é do Espírito Santo.
Matt 02:13 E quando eles se retirado, eis que o anjo do Senhor apareceu a José em sonho, dizendo: Levanta-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito, e demora-te lá até que eu te palavra, pois Herodes procurará o menino para o matar.

A Bíblia também nos dá um exemplo que algumas experiências podem ser uma mistura entre um sonho e uma visão, mas acontecem quando se está dormindo na nossa cama. "Em um sonho, numa visão de noite, quando profundo sono cai sobre os homens, em adormecem na cama 33:15 "Job

Interações físicas com os Anjos

Além de sonhos e visões, a Bíblia ensina que os anjos também pode interagir com as pessoas fisicamente, de forma que deixam efeitos físicos depois.   

Atos 12:5-12, 18-19
Pedro, pois, estava guardado na prisão: mas a oração era feita sem cessar da igreja a Deus para ele. E quando Herodes estava para apresentá-lo, nessa mesma noite estava Pedro dormindo entre dois soldados, acorrentado com duas cadeias:. E as sentinelas diante da porta guardavam a prisão E eis que o anjo do Senhor veio sobre ele, e uma luz resplandeceu na prisão, e, tocando a Pedro no lado, e ressuscitou, dizendo: Levanta-te depressa. Então, as cadeias caíram-lhe das mãos. E o anjo disse-lhe: Cinge-te, e ata as tuas sandálias. E assim ele fez. E ele disse-lhe: Lança o teu vestido sobre ti, e siga-me. E ele saiu, e seguiu-o, e não sabia que era verdade o que foi feito pelo anjo,. Mas pensei que ele teve uma visão Depois de terem passado a primeira ea segunda sentinela, chegaram até o portão de ferro que conduz à da cidade, o que abriu a eles por sua própria vontade, e eles saíram e passaram uma rua, e logo o anjo se apartou dele. E quando Pedro, tornando a si, disse:
Agora eu sei com certeza, que o Senhor enviou o seu anjo e me livrou da mão de Herodes e de toda a expectativa do povo dos judeus. E quando ele tinha considerado a coisa, ele chegou à casa de Maria, mãe de John, cujo sobrenome Marcos, onde muitas pessoas estavam reunidas e oravam. .... Agora, logo que foi dia, houve não pouco alvoroço entre os soldados, o que foi feito de Pedro. E, quando Herodes o procurou ele, e não o acharam, ele examinou os guardas e ordenou que eles deveriam ser condenados à morte. E desceu da Judéia para Cesaréia, demorou-se ali.

Neste caso, um anjo é enviado para libertar Pedro da prisão de Herodes. Na primeira Peter pensa que está passando por uma visão, mas logo percebe que esses eventos têm realmente acontecido. Peter teve visões antes, e sua confusão prova a ponto de que as visões são reais para os sentidos corporais - tão real quanto a realidade objetiva - que é por isso que Pedro não tinha certeza se o que estava acontecendo era uma visão ou não.
Mas os eventos foram fisicamente real e aconteceu na realidade objetiva.

O anjo se materializou em uma forma física e causou mudanças físicas duradouras na realidade objetiva. Outras pessoas, como os guardas, Herodes, e os amigos de Pedro, foram todos afetados por essas mudanças duradouras física para a realidade objetiva, no resgate de anjo Pedro da prisão.

Não só isso, mas o anjo foi capaz de desafiar a física na realidade objetiva, ou parece ter poderes sobrenaturais, fazendo coisas como causar uma luz a brilhar, correntes a cair, abrindo provavelmente o que era um portão trancado, e mover uma porta muito pesado com a força aparentemente sobrenaturais, bem como aparecendo e desaparecendo aparentemente do nada.

Outro exemplo de anjos que aparecem fisicamente e deixando efeitos físicos é Gen 19:

Gen 19:1-7, 10-13, 24-28
E chegaram os dois anjos a Sodoma, e Ló estava sentado à porta de Sodoma e, vendo-se levantou para atendê-las, e ele se inclinou com o rosto em direção ao solo; E ele disse: Eis agora, meus senhores, por sua vez, peço-vos, em casa de vosso servo, e passai nela a noite, e lavai os vossos pés, e vós sereis levantar de madrugada, e ir em teus caminhos.
E eles disseram: Não, mas vamos permanecer na rua toda a noite. E porfiou com eles muito, e vieram com ele, e entraram em sua casa, e ele lhes deu um banquete, e cozeu bolos sem levedura, e comeram. Mas antes que se deitassem, os homens da cidade, mesmo os homens de Sodoma, cercaram a casa, tanto velhos como jovens, todas as pessoas de todos os lados: E chamaram a Ló, e disseram-lhe: Onde estão os homens que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que possamos conhecê-los. E Ló saiu à porta para eles, e fechou a porta atrás dele, e disse: Rogo-vos, irmãos, que não façais mal .... Mas os homens, estendendo as mãos, fizeram Ló entrar na casa para eles, e fecharam a porta. E feriram os homens que estavam na porta da casa com a cegueira, tanto pequenos como grandes, de maneira que cansaram de procurar a porta. E os homens disseram a Ló: Tens alguém mais aqui? Teu genro, e teus filhos e tuas filhas, e todos quantos tens na cidade, tira-os fora deste lugar: Porque nós vamos destruir este lugar, porque o grito deles é de cera diante da face do Senhor, e o Senhor nos enviou a destruí-la ... Então o SENHOR fez chover sobre Sodoma e Gomorra enxofre e fogo do Senhor do céu; E subverteu aquelas cidades e toda a planície, e todos os moradores das cidades, eo que nascia da terra. Mas sua esposa olhou para trás dele, e ela se tornou uma estátua de sal. E Abraão levantou-se cedo pela manhã para o local onde ele se diante do Senhor: E ele olhou para Sodoma e Gomorra e para toda a terra da planície, e viu, e eis que a fumaça da terra subia, como a fumaça de uma fornalha.

Algumas observações: Todos os homens da cidade podia ver os anjos, e não apenas Lot. Os anjos causou todos os homens que estavam assediando Lot para se tornar cego. Os anjos ter virado mulher de Ló em uma estátua de sal. Os anjos também destruiu a cidade de Sodoma e Gomorra, e Abraão foi capaz de observar a fumaça da destruição da cidade de longe. Hoje algumas pessoas (veja arkdiscovery.com) dizem ter encontrado a cidade destruída, e sem dúvida alguma evidência deste evento angélicos permanece até hoje, em algum lugar.

No caso de Sodoma e Gomorra os anjos foram vistos pelos homens e interagiram com eles. Estes anjos apareceram olhando como os homens humano. No entanto, os anjos também pode interagir com a realidade objetiva sem ser visto e permanecer invisível, como é visto no trabalho.

Jó 1:12-19
E disse o Senhor a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está no teu poder; somente contra ele não estendas a tua mão. E Satanás saiu da presença do Senhor.
E houve um dia em que seus filhos e suas filhas estavam comendo e bebendo vinho em casa do irmão mais velho: E veio um mensageiro a Jó, e disse: Os bois lavravam, e as jumentas pastavam junto a eles, e os sabeus caíram sobre eles, e os tomaram; sim, eles mataram os moços ao fio da espada, e só eu escapei para trazer-te. Enquanto ele ainda falava, veio outro e disse: Fogo de Deus caiu do céu, e queimou as ovelhas e os servos, e os consumiu, e só eu escapei para trazer-te. Enquanto ele ainda falava, veio outro e disse: Ordenando os caldeus em três bandos, deram sobre os camelos e os tomaram, sim, e mataram os moços ao fio da espada, e só eu escapei, para trazer-te. Enquanto ele ainda falava, veio outro e disse: Teus filhos e tuas filhas estavam comendo e bebendo vinho em casa do irmão mais velho: E eis que veio um grande vento do deserto, e deu nos quatro cantos do casa, e caiu sobre os mancebos, e eles são mortos, e só eu escapei para trazer-te.

Neste caso, Deus efetivamente removido a "cerca de proteção" em torno do trabalho e permitiu que tudo, mas a vida de Jó para ser colocado "nas mãos de Satanás" (Jó 1:12). Satanás então inspirou pessoas para matar servos de Jó, causou um fogo do céu para descer e matar suas ovelhas e os servos, e fez um grande vento de demolir uma casa em cima de crianças de Jó, matando todos eles. Embora Satanás era invisível em todos esses eventos, no entanto, os eventos Satanás causou ocorreu na realidade objetiva, e houve várias testemunhas para os efeitos físicos do que tinha acontecido.

Outra anjos efeito duradouro pode causar é doença física ou lesão, é visto em Atos e em Job:

Atos 12:21-23
E sobre um Herodes dia set, vestido de trajes reais, sentou-se no seu trono, e fez uma oração para eles. E o povo deu um grito, dizendo: É a voz de um deus, e não de um homem. E logo o anjo do Senhor o feriu, porque não deu glória a Deus: e ele foi comido de vermes, e morreu.

Neste caso em Atos o anjo era invisível, pelo menos, a sua aparição pública para a multidão não é registrada, eo anjo causou uma doença física, resultando em morte para o corpo de uma pessoa.

Jó 2:6-7
E disse o Senhor a Satanás: Eis que ele está na tua mão, mas salvar a sua vida. Então saiu Satanás da presença do Senhor, e feriu Jó de úlceras malignas, desde a planta do pé até a sua coroa.

Em Jó, o anjo de Satanás era invisível, mas na realidade objetiva que ele causou prejuízo real e visível / doença para o corpo de Jó, e Jó estava doente há algum tempo, até que Deus as coisas.

No caso dos anjos caídos, como o querubim caído Satanás, também sabemos que eles podem aparecer parecendo santos anjos (que se parecem com os homens).

E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz 2 Coríntios 11:13.

Santos anjos são do mensageiro tipo de anjo, que se parecem com os homens, embora às vezes brilhando com luz. Satanás, que é um querubim (com 4 faces, 3 de animais, e 4 asas) pode transformar-se a aparecer como parecendo um anjo mensageiro tipo Santo, como um homem e brilhando com a luz. E, claro, caiu mensageiro do tipo anjos, que já parecem homens, pode fazer tudo isso mais facilmente.

Observações sobre interações físicas com os anjos:
1. Pode haver várias testemunhas de anjos que aparecem parecendo homens
2. Pode haver várias testemunhas a duração de efeitos físicos causados ​​pelos anjos, incluindo doenças, ferimentos e morte
3. Não pode haver ocorrências sobrenaturais que parecem desafiar a física, na realidade objetiva
4. Geralmente a realidade segue leis físicas normais, com excepção das acções dos anjos
5. Efeitos físicos também podem ser causados ​​pelos anjos que, embora presente, permanecem invisíveis
6. Anjos caídos podem aparecer parecendo santos anjos, que se parecem com os homens, às vezes brilhantes

Até agora nós cobrimos que a Bíblia ensina que os anjos podem interagir com as pessoas pelos métodos de visões, sonhos, e podem interagir com as pessoas fisicamente quer enquanto aparecendo como homens, ou mantendo-se invisível. A Bíblia também ensina que não pode ser limitado interações físicas durante uma visão que parecem combinar ou mesclar com a experiência própria visão. Essas interações físico limitado pode deixar efeitos físicos que permanecem após a Visão é longo.


Visões Causada por anjos podem incluir Limitada interações físicas que pode deixar sequelas físicas

Vejamos um exemplo do livro do Apocalipse. Todo o livro de Apocalipse contém uma visão muito longa e detalhada dada a João por um santo anjo, apesar de alguma da terminologia parece um pouco diferente à primeira vista,
Rev 17:03 E levou-me em espírito a um deserto, e vi uma mulher assentada sobre uma besta de cor escarlate, cheia de nomes de blasfêmia, com sete cabeças e dez chifres.
Rev 21:10 E ele me levou em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a grande cidade, a santa Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus,

Nestes exemplos John diz que "levou-me no espírito". O "ele" que está referenciado aqui é um anjo do Senhor, um mensageiro de Jesus Cristo, e esta é estabelecida em Apocalipse 22:8-9 E João vi essas coisas, e ouvi [eles]. E quando eu tinha ouvido e visto, caí no chão em adoração diante dos pés do anjo que me mostrou essas coisas. Então, disse-me: Veja [tu fazê-lo] não, porque eu sou teu conservo, e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro: adorar a Deus.

A partir destas passagens, sabemos que todas as coisas que John experientes na Visão foram causados ​​por um anjo Santo. Um anjo pode "levar alguém em espírito", mas este termo é sinônimo de alguém que tenha uma visão causada por um anjo. Podemos conhecer o termo é sinônimo, porque John também deixa claro que tudo isso foi uma visão:
E assim vi os cavalos nesta visão, e os que sobre eles tinham couraças de fogo, e de jacinto, enxofre e: e as cabeças dos cavalos [eram] como cabeças de leões; e fora de suas bocas emitidas fogo, fumaça e enxofre. Rev 09:17

and brought me in a vision by the Spirit of God into Chaldea, to them of the captivity. Ao todo, a imagem inteira John registrado no livro de Apocalipse foi causado por um anjo do Senhor John mostrando essas coisas em uma visão. Além disso, as mesmas frases são usadas em Eze 11:24 "Depois o Espírito me levantou, e me trouxe em uma visão pelo Espírito de Deus para a Caldéia, para os do cativeiro. Assim, a visão que eu tinha visto foi de mim. "E assim se está" no espírito ", então a Bíblia indica que um está tendo uma visão.

O que João experimentou era real a todos os sentidos do corpo, incluindo até mesmo, gosto e sentimento interno em seu estômago, como John percebeu que ele estava passando por tudo isso corporais. João comeu um pergaminho que fazia parte da visão, provando-o, e foi "amargo no estômago" E tomei o livrinho da mão do anjo, e comi-o;. E era na minha boca doce como o mel : e logo que eu tinha comido, o meu ventre ficou amargo Rev 10:10.

Nesta visão causada por um santo anjo, João estava escrevendo o que ele viu e ouviu durante toda a sua experiência em um pedaço de papel.
Rev 1:11,19 Dizendo: Eu sou o Alfa eo Ômega, o primeiro eo último: e, que vês, escreve-o num livro, e envia [ele] até às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, ea Esmirna, ea Pérgamo, and unto Thyatira, and unto Sardis, and unto Philadelphia, and unto Laodicea… Write the things which thou hast seen, and the things which are, and the things which shall be hereafter ; Rev 1:11,19

And when the seven thunders had uttered their voices , I was about to write : and I heard a voice from heaven saying unto me, Seal up those things which the seven thunders uttered, and write them not.
Rev 10:4

John did not write down the Vision experience after it had ended, but while it was ongoing. What is astounding is that this paper remained with him after the experience had ended. Whether John was given the paper to write on and the writing instrument during the Vision, or if John carried these things into the experience and out of the experience later, is unknown. But in either case, John took the paper out of the Vision with him, which he had written on during the Vision, and so a greater level of lasting physical effects is shown here than in most Visions.

This example establishes that the Bible teaches an angel can cause a person to have a Vision which leaves minor physical effects or traces, like the scroll John recorded the Vision on, or even bodily effects, even internal bodily effects like his stomach becoming bitter. The Bible also teaches that angels can have physical interactions with people that can include causing people bodily injuries or illness. As Visions can include limited physical interactions with angels that leave physical aftereffects, it makes sense that Visions could possibly include physical aftereffects of injuries or illness as well.



Visions Caused by Angels Can Manipulate a Person's Perception of Time

A Vision also may include elements of a fallen angel manipulating a person's perception of time. Another angelic encounter in a passage with similar terminology to “carried me away” uses the phrase “took him up”. These may be synonymous terms. This experience caused by an angel (Satan) was likely also a Vision experience.
And the devil took him up , to a high mountain, and showed him all the kingdoms of the world in a moment of time Luke 4:5
(Compare And he carried me away in the spirit, to a great and high mountain, and shewed me that great city, the holy Jerusalem, descending out of heaven from God Rev 21:10)

The Greek word here for 'moment' is “stigme” (4743) which literally means a “point” of time. This word is used only once in the New Testament, but is used in the Greek Old Testament, the Septuagint, in Isaiah 29:5. The word that is translated as “stigme” is “petha`” (6621) in Hebrew. According to Thayer's Lexicon, “petha” means “the opening of the eyes”, hence the meaning “a moment of time”. The amount of time referenced to here is the amount of time it takes to open your eyes. This is no more than the time it would take to blink. It takes a human about 300 to 400 milliseconds to blink; that is 3/10ths to 4/10ths of 1 second.

How could Jesus see “all the kingdoms of the world” in the time it takes to blink? Or even in one full second? It would seem that to be shown all the kingdoms of the world should take at least a couple hours, if not days, if a thorough tour was done. But even snapshot pictures in quick succession would take a couple minutes, and this without any time to really think about what one was seeing. And so the necessary amount of time to be shown all the kingdoms of the world is still incredibly more than 3/10ths of a second, or even one full second.

Esta passagem implica que um segundo passou no tempo, mas Jesus experimentou subjetivamente um período de tempo muito maior do que um segundo durante esse um segundo. And so it's possible that there can be time perception manipulation in a Vision caused (in particular) by a fallen angel. There is another example in the Bible of something similar on a greater scale, during Joshua's Long Day.

Then spake Joshua to the LORD in the day when the LORD delivered up the Amorites before the children of Israel, and he said in the sight of Israel, Sun, stand thou still upon Gibeon; and thou, Moon, in the valley of Ajalon. And the sun stood still, and the moon stayed, until the people had avenged themselves upon their enemies. Is not this written in the book of Jasher? So the sun stood still in the midst of heaven, and hasted not to go down about a whole day. And there was no day like that before it or after it, that the LORD hearkened unto the voice of a man: for the LORD fought for Israel. Josh 10:12-14

This passage could be interpreted as to mean that God can pause the progress of time forward, that the clock is paused, but people still can do things while forward-moving time is paused. God seemed to be able to do this to the whole world, a large scale, as the sun stood still in the sky. Because the sun stood still in the sky, if time was being manipulated here (not the earth's rotation), then this was a case of forward-moving time being paused, and not a case of time travel. Yet while forward-moving time was paused, in that moment time in substance still seemed present, and in a way that still allowed people to interact and do things.

The angels are called “sons of God” or “gods” at times, and in this it seems they may be able to cause someone to perceive something similar on a very limited scale. The effect is that of a longer period of time being experienced during a much shorter period of time. But the only Biblical example of an angel doing this seems to be the fallen angel Satan doing this to Jesus alone, during what was very likely a Vision that Satan was causing Jesus to have. As a Vision, this was a spiritual experience that only affected the person having the Vision, and not everyone else in physical reality. The only Biblical example of a fallen angel being able to add time like this, is during a Vision the fallen angel is causing someone to have. But there is no indication or Biblical example that angels can do this on a larger scale like God Himself can do.

This makes sense as God made time (Gen 1:1), and is outside of it eternally. Only He is “the alpha and the omega the beginning and the end” (Rev 21:6, 22:13) and only God knows the end from the beginning (showing that angels cannot time travel):
Remember the former things of old: for I [am] God, and [there is] none else ; [I am] God, and [there is] none like me, Declaring the end from the beginning, and from ancient times [the things] that are not [yet] done , saying, My counsel shall stand, and I will do all my pleasure: Isa 46:9-10

Angels and Fallen angels are still only created beings who experience linear time as we do, caught in the flow of time moving forward.

But the prince of the kingdom of Persia withstood me one and twenty days : but, lo, Michael, one of the chief princes, came to help me; and I remained there with the kings of Persia. Dan 10:13

Therefore rejoice, [ye] heavens, and ye that dwell in them. Woe to the inhabiters of the earth and of the sea! for the devil is come down unto you, having great wrath, because he knoweth that he hath but a short time. Rev 12:12

And so while a fallen angel may be able to cause a person to perceive extra time in a Vision, while linear time seems to be paused, there is no indication that fallen angels can do this on a larger scale like God can. He is God who made time, and angels are just created beings who exist caught in the flow of time. And as this could be confusing, I hope that it has been made clear that this does not have anything to do with the science fiction concept of time travel, which in fact the Bible indicates that fallen angels cannot do, and is not possible.

However, the Bible does seem to indicate that a longer time can be condensed into a shorter time, like time itself has a second aspect or dimension to it.
But, beloved, be not ignorant of this one thing, that one day [is] with the Lord as a thousand years, and a thousand years as one day. The Lord is not slack concerning his promise, as some men count slackness; but is longsuffering to us-ward, not willing that any should perish, but that all should come to repentance. 2 Pet 3:8-9

A thousand of our years can seem a short time to God, who is eternal. A thousand years for us doesn't seem like a long time to Him, but rather a thousand of our years seems to Him like a day would for us. But also, just one of our days, as perceived by Him, would seem to us to stretch on and on like it was taking a thousand years, from our perspective. This may be as in a single one of our days, the Lord is so busy and with so much to do, that it would take us a thousand years to get as much done. It might take us a thousand years to get as much done as He does in a day. This may refer to what it is like, that He hears all of our prayers, and intercedes for all of us,
“Who [is] he that condemneth? [It is] Christ that died, yea rather, that is risen again, who is even at the right hand of God, who also maketh intercession for us.” Rom 8:34

All over the world, Jesus Christ intercedes for, and hears the prayers of millions of people, a multi-tasking of an incomprehensible sort. A solution in understanding this may be that a longer period of time can be condensed down into a shorter period. Time itself is a thing that was created by God, and may have been designed in such a way as to allow for this. But again, this is another Biblical example that a longer period of time can seem to be condensed into a shorter period of time. Time perception manipulation caused by the fallen angel Satan followed along these lines in the Vision he seemed to cause Jesus to have in Luke 4:5. And so the only sort of time manipulation that there is any Biblical precedent for is: time perception manipulation of adding time into a paused moment. Fallen angels seem to be able to do this in a limited way, and by the only example of this in the Bible, it seems they only can do this in a Vision they cause a person to experience.



A Vision Caused by an Angel Can Seem So Real As to be Indistinguishable from Reality

Peter couldn't tell if something was real or a Vision, and so in Acts mistook reality for a Vision, because Visions can seem so indistinguishably real.
Peter followed him (an angel) out of the prison, but he had no idea that what the angel was doing was really happening; he thought he was seeing a vision” Acts 10:9

There is a second witness to this by Paul. I believe in this example the Bible speaks on the difficulty of the confusion in telling one from the other, with guidance on how we should handle that difficulty.
It is not expedient for me doubtless to glory. I will come to visions and revelations of the Lord. I knew a man in Christ above fourteen years ago, (whether in the body, I cannot tell; or whether out of the body, I cannot tell: God knoweth;) such an one caught up to the third heaven. And I knew such a man, (whether in the body, or out of the body, I cannot tell: God knoweth;) How that he was caught up into paradise, and heard unspeakable words, which it is not lawful for a man to utter.
2 Corinthians 12:1-4

The word here for “caught up” is “harpazo”, and the same word is used in Acts 8:39 when “the Spirit of the Lord caught away Philip, that the eunuch saw him no more” . And so being “caught up” does happen to be a term that can refer to the Holy Spirit moving someone to a new place, bodily. It is used in reference to Jesus' ascension (Rev 12:5) and to believers being caught up into the air to be with the Lord (1 Thes 4:17). And so this word seems to reference more to people being transported by God bodily.

But on the other hand, Paul also makes it very clear that he cannot tell if the man was caught up 'in his body' to the third heaven, or caught up 'out of his body' to the third heaven. To understand what Paul means here by “out of the body”, we have to look to earlier in this same book, in 2 Cor 5:4-9, where Paul says, “We are confident, [I say], and willing rather to be absent from the body, and to be present with the Lord.” In this case Paul references to one whose body is dead, and so their spirit is with the Lord. Paul defines the term “out of the body” to mean one is “in spirit”.

And so in 2 Cor 12 Paul references back to 2 Cor 5, saying he did not know if the man was “out of his body” which is another way to say “in spirit”. Putting this together what Paul says is that he doesn't know if the man was caught up to the third heaven in his body, or in his spirit.
The word “harpazo” and term “caught up” is rather synonymous with “carried away” or “taken up”, and these are terms which are both used of Visions caused by angels. And indeed, in this passage Paul is referencing to visions and revelations of the Lord” .
In 2 Cor 5 Paul is saying that he doesn't know if this man was caught up bodily to the third heaven, or if the man was caught up in the spirit to the third heaven in a Vision caused by a Holy angel. Many people think Paul was referring to himself in this passage, though this also may have been a story he heard in detail from whoever experience it. In any case, Paul couldn't figure out if the experience happened bodily, or was a Vision in the spirit. The reason why Paul couldn't figure out which was the case is because a Vision experience seems so real that it can be indistinguishable from reality.

2 Cor 12 is telling us that it can be impossible to tell by the bodily senses if something was a physical bodily experience, or if it just seemed to be and was a Vision in the spirit. However, as much as Paul admits he does not know if this man was caught up to the third heaven in his body or in his spirit, Paul also makes it very clear that God knows. This means only God has the answers, for instance in His Word, and through His Holy Spirit. We cannot tell with our bodily senses alone whether an experience was in the body, or a Vision, but God can tell. While people sometimes can't figure out whether an experience was real or a Vision, God can reveal the truth about an experience to those who ask Him.

If a person is “carried away in the spirit” while having a vision caused by an angel , does this mean that a person's spirit leaves their body?

No. The Bible indicates that a person who is having a Vision, taken in the spirit, actually never leaves their body. Daniel had “visions of his head upon his bed” and in the middle of the vision “was grieved in my spirit in the midst of [my] body, and the visions of my head troubled me.” (Dan 7:1,15) And so we can see that while Daniel had Visions, in his spirit, that this was all in the midst of his own body (no matter where he seemed to be, or what he saw) and that the Visions he experienced were of his head, which is part of his body. Not only that, but all of these Visions Daniel had took place while he never left his bed . Note that part of this vision included Daniel seeing the “Ancient of Days”, likely on His throne, which would be in the third heaven.
Even though a person may seem to be somewhere else, they actually are only “carried in the spirit” in the “midst of their body. The Visions are of their head, in their spirit, which is in their body. So the Bible indicates their spirit never leaves their body, but they have the Vision experience in their spirit, and their spirit remains inside of their body.

Visions Caused by Angels Can Contain Just About Anything

Visions can include settings or landscapes of just about any place, be about anything, and can include anyone or anything as a character in the Vision, and can include perception of travel.

Daniel had a Vision that occurred where he stood by the River Chaldea. Peter had a Vision while on the housetop where he was, of the housetop, though he was in a trance. So Visions can be of places that are a person's normal surroundings. John had a Vision where he saw heaven, as did Isaiah (Isa 6) and Daniel (Dan 7), and so a Vision could be of Heaven.

Ezekiel saw a Vision of Jerusalem, of the temple, which was a real place. Ezekiel also had a Vision of a valley full of bones, and when the bones came to life into an army, this was not of something taking place in an actual valley somewhere (Eze 37). And so Visions can be of real places or invented places. Even if the valley was a real valley somewhere, what Ezekiel saw was not actually taking place in that valley. Though, what Ezekiel saw in Jerusalem was taking place there. So Visions can be of things that are happening somewhere, or of things that are not actually happening somewhere (but are symbolic, and of truth being taught only in the case of visions from Holy angels).

Ezekiel experienced the perception of travel in a Vision (Eze 8, Eze 40), and Daniel seemed to be near a great sea in his Vision (Dan 7) and so Visions can seem to include travel or being in a different location. But Daniel makes clear he didn't go anywhere during his Visions, but was in his bed while he had them.

Ezekiel saw people in the Vision of the valley of bones. John saw people in his Vision of Revelation, as well as strange looking locust creatures, angels, a dragon, a strange beast with seven heads and the body parts of various animals. The characters in a Vision could be in the forms of people, real or not, angels, animals that exist, and strange creatures that don't exist. But like an artist can draw a cartoon of about anything, or any place, so can an angel cause a Vision to contain just about any landscape or characters.

What is seen in a Vision can vary wildly and be of just about anything. During a Vision a person may see angels, people, entities, living creatures, landscapes of strange places, or of familiar ones, as well as perceiving they experience travel to various places. Yet all of this is just part of the Vision caused by the angel, and the Bible teaches, like Daniel, that people don't actually go anywhere, regardless of what they perceive during a Vision.

The Bible summarily teaches several things about Visions caused by angels:

1. A Vision can seem totally real to a single bodily sense (like sight) or to all of the bodily senses, and a person's self-perception is usually that they are in their body.

2. A Vision can affect one person or multiple people, though they may perceive it differently

3. A Vision can occur in a waking state, or in a trance state

4. A Vision can be causes by a visible angel, or an invisible angel

5. A Vision can involve some physical effects that remain afterwards, such as objects that remain with a person, and bodily effects, even internal ones.

6. A Vision can involve manipulation of a person's perception of time, like an hour in a minute.

7. A Vision can contain just about any landscape, or any sort of characters, and can seem to involve travel, even though the person doesn't actually go anywhere

8. A Vision can seem so real to the bodily senses that it is indistinguishable from reality, even in the case of people who are experienced with Visions, though God knows and can reveal the truth

This level of power in the hands of fallen angels is staggering to conceptualize. I thank God that they are limited in what they can do, and who they can do it to, by God's laws of spiritual authority grounds. A fallen angel can only attack someone if they have spiritual authority grounds and rights to do so. God places a “hedge of protection” around people, limiting whom the fallen angels can harass and harm, and limiting the level of harassment and the extent of the harm that they can do to a person. (See Job 1 and 2, also the New Testament is full of this concept. This is covered more in a later chapter on spiritual warfare.) It is also a relief to know that for every fallen angel, there are 2 Holy angels working for God and Jesus; and so the fallen angels are outnumbered two to one. Additionally Jesus Christ assures believers in Him:

Behold, I give unto you power to tread on serpents and scorpions, and over all the power of the enemy: and nothing shall by any means hurt you. Luke 10:19

False Dreams and False Visions caused by Fallen Angels

In this study we have covered Visions that were had by people who were prophets, or those with the gift of the Holy Spirit of prophecy, such as Daniel, John, Ezekiel, Peter and Paul. Even in the case of Joseph having a dream of an angel, telling him to flee to Egypt, this also was a prophetic warning given by a Holy angel. When Holy angels cause people to have a dream or a Vision they are delivering a message, but often these messages are classified by the Bible as “prophecy” and those who have them as “prophets”.

In the Bible, prophecy is heavily associated with a person having dreams or Visions. And as we have established, dreams and Visions can be caused by Holy angels, who are God's messengers.

“And it shall come to pass in the last days, saith God, I will pour out of my Spirit upon all flesh: and your sons and your daughters shall prophesy , and your young men shall see visions , and your old men shall dream dreams Acts 2:17

“And he said, Hear now my words: If there be a prophet among you, [I] the LORD will make myself known unto him in a vision , [and] will speak unto him in a dream .” Num 12:6

And so a person who has a dream or a Vision caused by a Holy angel is classified by the Bible as a prophet. And while an angel delivers a message to the prophet, the prophet in turn delivers the message on to other people. The Strong's definition of prophet is a “spokesman, speaker”, and to prophesy is to ” a) be under the influence of a divine spirit” or or to be “b) a false prophet”.

The Bible also mentions false prophets. True prophets have true Visions that are caused by Holy angels sent by God. But the Bible teaches that false prophets have False Visions and Vain Visions.

“Have ye not seen a vain vision , and have ye not spoken a lying divination , whereas ye say, The LORD saith [it]; albeit I have not spoken? Therefore thus saith the Lord GOD; Because ye have spoken vanity, and seen lies, therefore, behold, I [am] against you, saith the Lord GOD. And mine hand shall be upon the prophets that see vanity , and that divine lies: they shall not be in the assembly of my people, neither shall they be written in the writing of the house of Israel, neither shall they enter into the land of Israel; and ye shall know that I [am] the Lord GOD.” Eze 13:7-9

Then the LORD said unto me, The prophets prophesy lies in my name: I sent them not, neither have I commanded them, neither spake unto them: they prophesy unto you a false vision and divination , and a thing of nought, and the deceit of their heart. Jer 14:14

False prophets have False Visions, and these are caused by Fallen angels who lie and deceive.

And he saith, `Therefore, hear a word of the Lord; I have seen the Lord sitting on His throne, and all the host of the heavens [angels] standing by Him, on His right and on His left; and the Lord saith, Who doth entice Ahab, and he doth go up and fall in Ramoth-Gilead? and this one saith thus, and that one is saying thus. `And a spirit came out, and stood before the Lord, and saith, I — I do entice him; and the Lord saith unto him, By what? and he saith, I go out, and have been a spirit of falsehood in the mouth of all his prophets ; and He saith, Thou dost entice, and also thou art able; go out and do so. 1 Kin 22:19-22

In this passage the angels were around God's throne, and an angel admits to having been communicating deception or lies to the false prophets. God permissively allows this deceptive angel to continue to do what the falling angel himself is able to do, and chooses to do. This angel was apparently a falling one, one of the second wave that fell with Satan, though this was before they were kicked out of heaven (see chapter 3). And so the Bible teaches that fallen angels do communicate lies and deception to false prophets. And this is by the method of false dreams and False Visions, which false prophets are reported to have.

Beyond false messages which fallen angels can communicate in False Visions or dreams, they can also use False Visions and dreams to simply harass and frighten people, to a terrible extent. While Job was under a series of attacks caused by Satan, a fallen angel, Job records: When I say, My bed shall comfort me, my couch shall ease my complaint; Then you scare me with dreams and terrify me with visions so that I would choose strangling and death rather than my bones. Job 7:13-15

And so the Bible teaches that fallen angels can victimize people with their ability to cause dreams and Visions, using these to scare and terrify, even to the point of severe traumatization from them. Job here experiences severe depression, longing to die rather than deal with these terrifying dreams and Visions. It seems various other psychological symptoms besides severe depression could result from these experiences as well, as Job's account here shows they can be very traumatic, and different people handle trauma in different ways.

Along with this, fallen angels can also cause False Dreams and False Visions to communicate a lying or deceptive message, false information, to a person with the intent that the person might become a false prophet, who shares the false message as truth.

This is part of why the Bible warns that people must test spirits, not just believe them, as these fallen angels are at war against us,
“Beloved, believe not every spirit, but try the spirits whether they are of God: because many false prophets are gone out into the world.” (1 Jn 4:1) and as Jesus said, ″Many false prophets will arise, and will mislead many.” (Matt 24:11)

But even in the midst of this war we have God's reassurance,
Yet in all these things we are more than conquerors through Him who loved us. For I am persuaded that neither death nor life, nor angels, nor principalities nor powers [fallen angels], nor things present nor things to come, nor height nor depth, nor any other created thing, shall be able to separate us from the love of God which is in Christ Jesus our Lord. Rom 8:37-39

(For information on Visions and Modern Physics please see the Appendix: Does Science Allow for the Supernatural and Miracles? )